9 de outubro de 2015

Uma madrugada muito louca

Catei a tag do totalmente excelente Dreams e vou respondê-la às 00:48 de uma quinta-feira (bom, já é sexta-feira) porque não tenho princípios (e porque a Mia Sodré me indicou). Vai ter The Rasmus? Ah, vai!


1. Uma música romântica:
Eu tenho duas playlists românticas no meu 8tracks, que são a prova de que nunca sei escolher entre rock, ou Bollywood. Mas como toda madrugada traz o que há de mais brega no amor vou de Tum Hi Ho, interpretada por Arijit Singh para o filme Aashiqui 2. Filme triste. Assim, triste de verdade.


2. Uma música que te define:
Já mencionei Alegría, do Cirque du Soleil, em outra tag. Então, para ser o menos repetitiva possível, desta vez vou de Sonho de uma Flauta, d'O Teatro Mágico. Deu para perceber que ficou tudo em família, né? Não é Cirque du Soleil, mas é arte circense de qualquer jeito. Fiquei me coçando para indicar Open My Eyes, do The Rasmus. Calma, a gente chega lá.


3. Que música não sai da sua cabeça?
Ultimamente, não sei o que me deu que volte e meia saio cantando Sinônimos, do Zé Ramalho. Gente, a voz desse homem deixa qualquer música perfeita. Desculpe minha inconveniência, mas muito melhor que Chico Buarque e Caetano Veloso juntos. Chico Buarque parece que morre de sono e Caetano canta miando. Zé Ramalho mata a cobra e mostra o pau. Pronto, falei.


4. Uma música que quando você ouve, chora:
Vocês sabem: eu não choro com música. Por outro lado, existe o andante da KV. 364, de Mozart, que me faz querer estar morta. Wolfgang foi o cara mais pra frentex que o Iluminismo já viu, mas quando dava para ser deprê até Chopin chorava sangue.


5. Qual sua música predileta do momento?
Eu disse que a hora chegaria. Eles se aproximaram na surdina e de repente, não mais que de repente: Stranger. De quem? Do The Rasmus. Essa tem sido minha música predileta há três anos, eu acho. Não, ninguém desbancou Stranger e, sim, eu sei que já a citei em tags mais vezes do que o aceitável. Dane-se, gente. Essa música me deixa toda coisada. Posso cantar aqui em caps lock? Não? Ok. Próximo item...


6. Que música você não consegue gostar?
Alguém me explica qual é a do David Guetta? Eu não entendi essa piada. Eu sei que não faz sentido falar mal de um cara que acumula mais de 350 milhões de views em um de seus vídeos. Só que as músicas dele, como um todo, fazem menos sentido ainda para mim. Aliás, vamos debater sobre música eletrônica. Você aí que curte: qual a finalidade? Um amigo certa vez disse que esse tipo de som deve ser legal para c e r t a s p e s s o a s porque faz eco na cabeça de vento. Não que eu concorde. Não que eu discorde totalmente.


7. Cite um trecho da sua música predileta:
“(...) Me desfaço em versos no papel. Não abrindo a porta eu pulo o muro. Pulo da pedra mais alta. Chego voando pra te visitar. Talvez por engano eu venha te beijar. Mudo meu plano pra não te machucar. Tô aqui soprano o que alumina o meu cantar (...)”


8. Sua música brasileira predileta:
Qualquer coisa que Socorro Lira cante será a minha preferida. Eu adoro a voz dessa mulher e me entristece muito não vê-la melhor divulgada por aí. Socorro é um verdadeiro talento! Ela representa o que eu chamo de “música nacional de verdade”, ao contrário da maioria dos homens que hoje estão na mídia batucando um violão e dizendo que é MPB – a Globo adora, mas eu não.


9. Abra seu player em modo aleatório e diga qual é a 5ª música a tocar:
Putz, a quarta música era do The Rasmus. Azar. A quinta foi Maar Dala, interpretada por Kavita Krishnamurthy para o filme Devdas. E o que tenho a dizer sobre a apresentação de Madhuri Dixit nessa cena? Nada. Só sei sentir.

10. Marque cinco blogs:
Ah, mas não vou mesmo! São 1:30 da madrugada (demorei tudo isso, veja você) e não há viv'alma que me obrigue a pensar em cinco blogs depois de responder a nove perguntas e, infelizmente, me agitar demais para conseguir dormir depois de tanto Bollywood e The Rasmus. É possível, até, que eu monte uma balada aqui no quarto e fique ouvindo David Guetta. Não duvidem. Eu, com insônia, sou uma desgraça. E por último, porém não menos importante, peço desculpas pelo título. Foi o melhor que consegui fazer.

5 comentários:

Deise Lima disse...

heuheuheuueh vc é ótima, mulher!!!
Me diverti muito lendo as suas respostas, ao mesmo tempo em que fiquei me perguntando: " porque é mesmo que nunca vi nada de Bollywood?" Acho que vou providenciar nesse final de semana!
E muito obrigada por apresentar essa moça, Socorro, que bela voz!
Acho que qualquer dia desses me tomo como indicada dessa tag e respondo ela lá no blog!
Um abraço!
D'cifrando

Beatriz disse...

Amo TANTO quando você fala ou indica algo de Bollywood, meu coração aquece um pouquinho porque fico perdida nesse tanto de filme por aí e não sei escolher qual o próximo a assistir. E nossa sou tão apaixonada pelas músicas de bollywood que tenho vontade de me encolher e sofrer um pouquinho só de escutar essa Tum Hi Ho.
Não gosto e nem entendo muito a de David guetta, nem as músicas eletrônicas em geral, também nem sei dançar esse treco pra falar a verdade. (Só queria dizer que essa definição do seu amigo é simplesmente sensacional hahahaah)
Ahhh e eu amo tanto essa música do teatro mágico.
Beijoss

Elisabeth Philippsen disse...

ai, amo indicações musicais.
já vi que conheço e gosto de várias nessa lista.
indo explorar o resto :)
ouvindo socorro lia agora -nunca tinha ouvido falar.

Alessandra Rocha disse...

hahahaha o título foi ótimo Del! Curti pra caramba! Eu também fiz essa tag outro dia e é engraçado como a gente vê o gosto da galera né? Eu não sou uma pessoa de eletrônica mas gosto de algumas músicas do David Guetta, acho que no fundo sou um pouquinho cabeça de vento hahaha

beijo!

Ana Jähne disse...

ahhhh eu vou lá fazer tb!

Postar um comentário